Contratação para intérprete de Libras é suspenso

por Siomara publicado 16/05/2018 11h21, última modificação 16/05/2018 11h21
Justiça suspende a contratação para o cargo de Intérprete de Libras

O presidente da Câmara Municipal de Cacoal, vereador Paulinho do Cinema, disse que vai acatar o que a justiça determinar. “Se o juiz mandar seguir com a contratação, é o que faremos e se ele determinar que seja refeito o certame para o cargo, também acataremos. Os candidatos que se sentirem prejudicados, também podem tomar as medidas legais necessárias. O concurso foi realizado com toda a lisura e o restante dos cargos continua sem nenhum problema”.  Essa declaração se deve ao fato de que a Associação dos Pais e Amigos Surdos de Cacoal – APASA, entrou na justiça solicitando a suspensão da contratação do candidato que passou em primeiro lugar, no concurso da Câmara Municipal, para o cargo de Intérprete de Libras, a língua oficial da comunidade surda. A solicitação se deu por falta de alguns critérios que segundo a APASA, deveria constar do edital para a prova prática e que não teve previsão. O presidente da associação, Jadilson Serafim, através da intérprete, disse que a comunidade busca é igualdade. “Precisamos que o intérprete seja a nossa voz fluente e que possamos confiar que esteja traduzindo de forma correta o que estamos dizendo, sem mudar o contexto para que possamos ser compreendidos”, concluiu. O cargo para intérprete de libras, então, se encontra em análise judicial e assim que houver a determinação a Câmara irá proceder como ficar resolvido. O presidente da Câmara ressalta ainda, que o restante dos cargos continua sem nenhum impedimento e que estará procedendo a contratação dentro da previsão.

 

ASCOM-CMC

Siomara de Oliveira

MTE – 953/RO

Foto Adair José

 

error while rendering plone.comments